mercoledì 13 settembre 2017

Agência Ecclesia
O Papa Francisco defendeu hoje uma “revolução” do Evangelho para levar a paz à Colômbia, onde esteve até domingo, procurando promover a paz e o perdão, após 52 anos de guerra. “A verdadeira revolução, a do Evangelho, não ideológica, liberta verdadeiramente as pessoas e as sociedades das escravaturas de ontem e, infelizmente, as de hoje”, disse, durante a audiência pública semanal, no Vaticano. Perante milhares de peregrinos reunidos na Praça de São Pedro, o Papa apresentou uma síntese da sua recente viagem de cinco dias à Colômbia, para apoiar o “processo de reconciliação”. (...)